Livraria Cultura

Pré Venda Harry Potter

17/04/2012

Café GNC: Pausa antes (ou depois) de entrar na sala de cinema



Nessas tantas idas e vindas ao cinema (esse ano bem menos do que em 2010 e 2011, quando foram 205 e 260 sessões respectivamente. Não que o dinheiro tivesse apertado, mas é muito ruim ir para o cinema para se incomodar com gente mal educada, que fica conversando o filme todo, de celular ligado, recebendo e mandando torpedos, atendendo ligação na maior cara de pau... E quando você pede silêncio você é que está errado, querem briga... Cansei disso tudo. Fechando o desabafo em 3, 2 , 1 ...), uma pausa para uma refeição entre um filme e outro se faz necessário. O Café GNC é presença constante destes blogueiros.

Situado ao lado da bilheteria do cinema, o local tem ambiente agradável, em local com capacidade para umas 30 ou 35 pessoas (creio eu, foi mal se estiver enganado Sr. GNC!).



Para começo de conversa peço uma coca 600 ml (sim, viciado em Coca-Cola, se vocês ainda não perceberam isso), bem gelada e sempre sabendo que irá sobrar.


Algo clássico também é a torrada deles, sempre pedimos uma e a ser dividida em duas, para dois pratos. Pedimos com pão integral e mesmo que não conste no cardápio, pedimos para ser com tomate, adoro tomate (a Luciana sempre retira o tomate e passa para mim, ela não gosta de tomate “torrado” junto, desmanchando dentro da torrada). E as garotas já nos conhecem de tempos, sempre fazem levemente torrado, com queijo nem tão derretido, nem tão prensado... Cliente habitual é outra coisa! Hehehe

Enquanto aguardamos a torrada...

Stella Artois, para começar bem...


Segunda rodada, vamos com mais um chopp (variando, a mesma marca sempre não rola) e uma porção de 12 pãezinhos de queijo...


E chegou a torrada, feitoria! Lembrando que nesse prato está somente a metade da torrada, dividida em duas.




Tudo isso ficou em torno de 26 reais, fora os 10%. Isso que dessa vez nem encaramos umas maravilhosas Panas argentinas (sim, as mesmas do local que já conhecemos, lembram das Panas e Panitas? Relembre aqui) ...


... ou alguns dos docinhos expostos na vitrine... Hey Luciana, precisa retornar ao local e pedir o cheesecake deles!


E no filme da vez, o escolhido foi Cisne Negro. A arrebatadora e sombria obra de Darren Aronofsky vai muito além da obra Lago dos Cisnes, expondo uma perturbadora Nina (com hipnotizante atuação de Natalie Portman, vencedora do Oscar por tal papel) indo além dos limites para chegar à perfeição na execução dos papéis de Cisne Branco e Negro. Um filme que é marcante em especial para mim, pois até hoje é a obra que mais vezes vi no cinema, 5 vezes. E olha que deixei de ver mais vezes... Maldição!




Update: Retornamos ao Café do GNC e a Lu provou o cheesecake de morango deles. Eis os comentários dela, juntamente com as fotos.


“O cheesecake deles é de uma consistência de flan, sabe aqueles flans de pacotinho? Então. Achei estranho ser assim, mas era gostoso. Embora eu não classifique como um legítimo cheesecake. Outro ponto é o custo, achei muito alto o valor de R$ 9,00 para um doce com cerca de 7 a 8 cm de diâmetro por no máximo uns 5cm de altura. Mas sempre vale a experiência, ainda mais enfeitadinho assim... hehe”






Avenida João Wallig, 1800 – Passo D’Areia – Localizado ao lado da bilheteria do GNC Cinemas
Fone: (51) 3334 1090
Mapa


Nenhum comentário:

Postar um comentário