Livraria Cultura

Pré Venda Harry Potter

19/10/2012

Tartoni e suas massas apetitosas.


Não que o Atelier não seja ótimo, que o Al Dente igualmente não tenha seu valor... mas já estava na hora de retornar em algum local para comer massa, não disse pizza, eu quero MASSA DE VERDADE E DAS BOAS! E assim fomos lá no Tartoni do Bourbon Country.

Localizado no segundo andar, ao lado de outros locais tops, tais como Joe & Leo’s, Restaurante Marco’s e assim por diante, o Tartoni já começa com uma prática mais do que bem-vinda, cardápio com valores na entrada do local, parabéns pessoal!


No estabelecimento, aparentemente o espaço é pequeno, mas tudo muito agradável e bem decorado.





Detalhe para o gigante 'garfo', que fica suspenso no centro do local.


Não fomos lá, mas é bacana também quando um local te convida para conhecer a cozinha, a comida, os cozinheiros...


Dessa vez pulamos o vinho, fomos de Coca mesmo.


A Luciana escolheu a Filetto Aromático, composta por iscas de filé grelhado com cebola e alho, aromatizadas com vinho branco e orégano, em creme de leite fresco e molho bechamel. Massa penne.

Eu escolhi a Pollo Esotico, cubos de frango grelhados com curry verde, cebola, alho, ervilhas tortas, cogumelos, leite de coco e molho bechamel. Massa spaguetti.

Os pedidos chegaram, uma boa olhada no pedido da Luciana, massa farta e apetitosa...


E a minha, como veio...


E agora sim, com aquele detalhe que vira presença obrigatória nesse tipo de refeição... queijo!


Para variar, o prato da Lu foi mais bem servido que o meu (tchê, não pretendo ser magro, podem me servir bem também, tá virando rotina servirem bem a Lu e menos para mim... estabelecimentos, quando olharem a gente chegando, podem servir bem a ambos... rsss).

Nessas de ser absurdamente profissional e provar novos sabores (entendam, é tudo profissional pessoal, tudo em prol do nosso trabalho para vocês), fui lá pedir o cheesecake da casa, visto que a Luciana tem aquela velha meta de encontrar o cheesecake perfeito, já fez até promessa de elaborar uma mega-ultra-hiper-blaster matéria aqui para o Cinéfilos Famintos... ESTAMOS DE OLHO LUCIANA!

E chegou o lindoso!


Muita calda de amora, visual daqueles bem fortes, cores vermelhas em proporções generosas... vai Luciana, diga o que achou do bonito!

“A calda estava bem doce, a casquinha ok de sabor, mas muito espessa. Um doce compacto, pouco cremoso, mas bem saboroso mesmo experimentado sem a calda.”


Por fim, a conta fechou em 103 reais (4 centavos a menos na verdade) e a satisfação de ter tido uma ótima refeição, um ambiente agradável e tudo mais.

Agora é caminhar para fazer a digestão para ir embora... embora nada, passar no mercado e comprar umas comidas para o almoço do dia seguinte (ou vocês achavam que diria que estou de estômago cheio e nem quero ver comida na minha frente? Fracos, vocês são fracos demais).

Dessa vez a Lu pediu pra falar do filme, e eu gentilmente deixei... rsrsrs

Sabe aqueles filmes que tu fica empurrando, deixa pra assistir em outro momento e tal? Pois então, desde que comecei a ouvir falar de À Beira do Abismo, a primeira coisa que me veio em mente, antes mesmo de saber do que tratava o filme foi “abismo è filme de terror” (não me julguem, mas tenho problemas com filmes de terror). Ledo engano.


Nick Cassidy (Sam Worthington) resolve se matar atirando-se do alto de um prédio em Nova York. Aos poucos vamos percebendo alguns motivos que podem tê-lo levado a tomar essa atitude, pois parte de sua história vai sendo contada enquanto ele permanece no beiral, prestes a se atirar. Com a polícia avisada, Nick exige a presença de uma negociadora em especial, Lydia Mercer (Elizabeth Banks), amplamente conhecida na mídia. Com o passar das horas, e com Nick ainda negociando com Lydia, começamos a perceber que algo pode estar por trás disso tudo, e pistas vão sendo deixadas ao longo do filme.


Um filme interessante, que de início parece bem simples, mas que vai ficando intrigante ao longo da história. Um final bem arquitetado, assim como o plano que move todo o filme.


Avenida Tulio de Rose, 80 – loja 333 – 2ª andar Shopping Bourbon Country – Porto Alegre/RS
Fone: (51) 3345 2881

Um comentário:

  1. Gostei muito do post! Parabéns!
    Agora pra quem aprecia um chopp claro ou escuro, cremoso e feito de maneira artesanal, precisa conhecer o da Cervejaria Kremer! Acesse o site do chopp kremer e saiba mais sobre como disponibilizar este delicioso chopp aos seus clientes ou em sua festa ou evento! Recomendo! http://www.choppkremer.com.br

    ResponderExcluir