Livraria Cultura

Pré Venda Harry Potter

23/11/2012

Moinhos Pastéis e seu rodízio de amarelinhos.


A Luciana falou essa semana sobre o Chrusko’s, pastel clássico de décadas, ali no centro de Porto Alegre. Assim sendo, resolvi então fazer a minha parte e falar um pouco sobre pastéis, essa massa amarela com recheio maravilhoso. Dessa vez fomos ao Moinhos Pastéis, provar o seu rodízio diário... exato, rodízio de pastéis!

De cara observamos o ambiente que pode ser externo, com algumas mesas na rua, com o objeto que marca o nome do local...


Ou ainda na parte interna, um ambiente simples, com várias mesas, funcionando bem para um happy hour descontraído, ou mais ao fundo, com espaço para eventos, aniversários, etc.


O rodízio trabalha com 6 tipos de pastéis saldados e 3 doces. Todo dia essa variedade muda...

Observem o cardápio com os sabores de cada dia: simples e direto, bom isso.


E no cardápio temos também informações sobre eventos e transmissão de jogos.


Bom, vamos começar... de cara observamos que os pastéis, que são trazidos em uma cestinha de pães, são aqueles que tem aquele farelinho por fora, uma farinha de leve...


Por dentro, o primeiro foi o de carne, veio fumegante! Mas não entenda isso como algo que esconde o sabor, carne na medida, bem recheado...


O de queijo olhando assim parece normal, nada de mais...


Mas de que nada, muito queijo, e bem derretido! A Luciana adorou esse, só não repetiu porque apesar de parecerem pequenos, os pastéis eram bem recheados... rsrs


O de presunto e queijo achei apenas ok, faltou um temperinho talvez, um tempero verde já me deixaria mais feliz... rsss estava bom, mas poderia ser melhor.


O de strogonoff era com carne de muito boa qualidade, mas strogonoff para mim tem que ter aquele creme de leite, ou ao menos ser cremoso... aqui não foi muito o caso.


O de coração era muito bom, muito melhor que a foto que observamos agora (foi mal pessoal).


Nos questionaram se estava tudo ok, se poderiam começar a servir os doces, pois já tinham servido todos os salgados (sempre lembrando que poderíamos repetir quaisquer sabores do dia, até quando fosse o nosso limite! rs)... na verdade estava faltando o de portuguesa... gostei muito, pois sou suspeito quando alguma comida vem com bastante tomate, seguido de cebola... hehehehe a Luciana adorou esse também.


Na real, pela nossa contagem e observando o cardápio, já tinha terminado a parte salgada, mas ainda nos trouxeram, de lambuja, um frango com catupiry... gostei, embora o meu estava bem dividido, uma parte frango, outra catupiry, bem dividida... o da Lu já estava mais misturadinho.


Na parte dos doces, acabamos pulando o doce de leite, solicitamos “apenas” os sabores de banana e branquinho...


Posso dizer que ambos estavam saborosos, tanto o de banana...


Quanto o de branquinho.


No fim das contas, a conta total (minha e da Luciana) ficou em pouco mais de 25 reais, incluindo bebidas (sem cupom de compra coletiva teria ficado em pouco menos de 37 reais). O Moinhos Pastéis acaba se mostrando uma boa opção quando se quer comer um rodízio desse alimento delicioso e com um preço bem agradável... quem não conhece, vale a pena passar lá. Não espere ambientes super luxuosos e tudo mais, espere bons pastéis, pois isso você irá encontrar!


Recentemente lançado em blu-ray, Valente é o primeiro desenho da Pixar que tem uma mulher como a primeira protagonista da empresa. O resultado, que se não é dos melhores da empresa (e está longe de ser), tampouco traz uma experiência desagradável.


Em Valente observamos Merida, filha de Elinor e de Fergus. Desde pequena se mostra apaixonada por arco e flecha, e isso só aumentou com o tempo. Merida tem iniciativa própria, quer desbravar novos horizontes, é uma garota de coragem. Assim sendo, reage de maneira incomodada quando seus pais (principalmente sua mãe) tentam apresentar seus pretendentes de casamento. Irritada com a situação, Merida acaba fazendo um trato com uma bruxa, que não sairá da maneira que estava pensando e trará inúmeros desdobramentos, tanto para sua vida como dos demais moradores da região.


Mesmo que haja o ineditismo da protagonista, mesmo que tenha bons momentos cômicos e tudo mais, a sensação de que o filme foi inspirado no universo de J. R. R. Tolkien é nítida: tanto pela trilha sonora, pela vegetação sempre bem verde, pelos personagens que cantam e se divertem, foi inevitável ao longo da trama lembrar de Bilbo, do Condado e tudo mais. Além disso, a trama acaba deixando para trás certos personagens que poderiam render mais (a bruxa, é um exemplo disso, faz seu papel e some do nada, vai assistir a um show, em uma terra distante...).


No fim das contas Valente é um bom passatempo para vários públicos, embora a protagonista tenha uma história e construção de personagem muito mais interessante do que o filme em si. Quem sabe em possíveis continuações tenhamos um filme próprio, com uma história melhor e nem tanto lembrando dos baixinhos com os pés peludos do Condado. É um bom filme, mas tinha chances de ser bem superior.


Avenida Plinio Brasil Milano, 2264 – Higienópolis – Porto Alegre/RS
Fone: (51) 3337 1091
Horário de funcionamento: diariamente das 17h à 0h

Nenhum comentário:

Postar um comentário