Livraria Cultura

Pré Venda Harry Potter

09/05/2014

Restaurante Árabe Baalbek


Dois anos atrás começamos com o Cinéfilos Famintos. E a primeira matéria foi em um sábado de carnaval, em uma cidade tórrida e com restaurantes e outros fechados, achamos um ótimo local aberto, que ficou aberto todo o tempo apenas para nos atender, pois ninguém mais chegou ao local (relembra a matéria aqui). E agora fizemos a mesma tentativa. A cidade estava sim deserta, mas felizmente a #FornoAlegre tinha dado um refresco nos últimos dias, até chuviscando estava na hora, coisa mais linda e agradável. E a escolha da vez? Depois de anos conhecendo e até frequentando o local, finalmente era dado o momento de retornar ao restaurante Árabe Baalbek.

De cara observamos um amplo salão e que foi reformado recentemente... muito bonito e até mais agradável ainda do que era anteriormente.



Mas não ficarei enrolando, no Baalbek você pode pedir as alternativas do cardápio, escolher uma a uma ou se atirar no rodízio... que dúvida que optamos pela clássica e segunda alternativa. Mas antes, uma cerveja libanesa.


Em um retorno ao local, pediremos outra além da ótima Almaza, pediremos essa que promete ser 0% de álcool.


Mas... vamos ao principal, comer? Mãos a obra!


De cara recebemos a primeira parte, os pães árabes que tanto puro como com acompanhados são ótimos.


E a primeira coisa que chegou foram azeitonas, pimentas e berinjelas... esta última altamente apimentada, uma delícia de boa!


E o garçom já chegou lançando tudo que era coisa na mesa, mas uma atenção especial para o Chanclixi a Moda Árabe mais ou menos na forma intacta... herrr... não conseguimos pegar no início, o garçom foi mais rápido...


E o cara tem que ser mestre no movimento das mãos, desce pra esquerda, pra direita, diagonal em cima em baixo e puxa e vai... tem a manha o pessoal que prepara o Chanclixi!


E o resultado final é uma mistura entre os sabores que olha... é sempre um dos meus preferidos quando vou ao local.


Pratinho inicial preparado...


Mas seguindo... pasta de coalhada.


De grão de bico...


Pasta de berinjela (que a Luciana chamou o garçom e afirmou que era pasta de quiabo).


Tabule.


E para adoração de alguns e ódio de outros: Kibe cru com um toque de cebola, delícia!


A visão da mesa até agora:


E de novo chega o garçom com muito mais coisas, começando por esfihas...


Quiabo.


Berinjela gratinada absurdamente espetacular, nada ácida nem nada de ruim...


E essa beleza, esse trio maravilhoso composto por espeto de carne (vulgo xixo, desculpem, mas isso para mim sempre será xixo), espeto de Kafta e Kibe Frito... precisa mais? Ops, não é trio, é quarteto, tem aquelas ‘bolachas’ redondas, a Falafel.


Por outro ângulo? Sim.


Na real tinha mais coisas, como Mjadra, Fassfulha, Charuto de Repolho... enfim, tudo ficou para a foto final (lembrando que, caso você queira repetir um dos pratos, é só pedir que está dentro do estabelecido... e pedimos uma rodada extra de espeto de carne)...


Saindo de lá pra lá de satisfeitos, tudo ficou em pouco menos de R$ 115,00 (considerando duas cervejas libanesas). O Baalbek é uma baita opção quando se quer comer alimentos Árabes e principalmente, quando toda a cidade está fechada ou deserta (leia-se sábado de noite de carnaval), o Baalbek está aberto, sim senhor!



Rua Dr. Timóteo, 272 – Floresta – Porto Alegre/RS
Fone: (51) 3222 6272
Horário de funcionamento: de 3ª a 5ª das 11h30 às 14h e das 18h30 às 23h30/6ª das 11h30 às 14h e das 18h30 a 0h/Sábado das 11h30 às 15h e das 18h30 a 0h/Domingo das 11h30 às 15h e das 18h30 às 22h30.

Nenhum comentário:

Postar um comentário